Mitologia Grega
.Psique- Ciumenta da beleza dessa princesa, Afrodite ordenou a Cupido que lhe inspirasse uma paixão pelo mais feio e desprezível dos homens; mas o deus, tomado de amor por ela, levou-a para um palácio suntuoso, onde a visitava todas as noites, na escuridão; sua única exigência era a de que ela nunca lhe tentasse ver o rosto; instigada por suas irmãs, ela quis, uma noite, identificar seu amante adormecido; ao perceber que era o próprio Amor, sua mão tremeu de susto, e uma gota de óleo da lâmpada caiu-lhe no ombro, despertando-o, e ele desapareceu; para obter o perdão de Afrodite, ela trabalhou como sua escrava, cumprindo diversas tarefas consideradas impossíveis; finalmente, apaziguada, a deusa perdoou os amantes e permitiu sua união eterna; Psiquê é o símbolo da alma humana, purificada pela paixão e pelas desventuras, que, no amor, encontra a felicidade eterna

menu de Deuses

Adonis
Afrodite
Anteros
Apolo
Ares
Aristeu
Artémis
As Moiras
Asclépio
Atena
Atlas
Deméter
Deucalião
Dionísio
Eolo
Erínias
Géa
Gorgonas
Graças
Hades
Hebe
Hefaestos
Hélios
Hemafrodito
Hera
Hermes
Héstia
Himeneu
Hípnos
Íris
Medusa 
Nêmesis

Nikê
Nix
Orfeu
Pan
Pandora
Perséfone
Poseidon
Priapo
Prometeu
Proteu
Psique
Selene
Sereias
Tânatos
Urano
Zeus