Brasões e Símbolos

Hino

Letra: Pessanha Póvoa (José Joaquim)

Música de: Arthur Napoleão

.

Surge ao longe a estrela prometida Que a luz sobre nós quer espalhar;
Quando ela ocultar-se no horizonte, Há de o sol nossos feitos lumiar.

Nossos braços são fracos, que importa? Temos fé, temos crença a fartar.
Suprem a falta de idade e da força Peitos nobres, valentes, sem par.

Estribilho

Salve, oh povo espírito-santense. Herdeiro de um passado glorioso,
Somos nós a falange do presente Em busca de um futuro esperançoso.

Saudemos nossos pais e mestres, A Pátria, que estremece de alegria,
Na hora em que seus filhos, reunidos, Dão exemplo de amor e de harmonia

.

Venham louros, coroas, venham flores Ornar os troféus da mocidade.
Se as glórias do presente forem poucas, Acenai para nós - Posteridade!


Hino, Letra e Música

Da Bandeira
Da Independência
Nacional
Da República

História do Hino

Brasões e Bandeiras

Acre
Alagoas
Amapá
Amazonas
Bahia
Ceará
Distrito Federal
Espírito Santo
Goiás
Maranhão
Mato Grosso
Mato G. do Sul
Minas Gerais
Pará
Paraíba
Paraná
Pernambuco
Piauí
Rio de Janeiro
Rio G. do Norte
Rio G. do sul
Rondônia
Roraima
Santa Catarina
São Paulo
Sergipe
Tocantins