Oscar Niemeyer

Niemeyer, Oscar (1907- ), arquiteto brasileiro conhecido internacionalmente pela importante contribuição à arquitetura do século XX. Niemeyer, que sempre se preocupou em adaptar seus projetos ao meio ambiente, tem obras em vários países do mundo.

Formado, em 1936, pela antiga Escola Nacional de Belas Artes, Oscar Niemeyer Soares Filho nasceu no Rio de Janeiro, RJ, em 1907. Seu primeiro trabalho individual foi para a associação beneficente Obra do Berço, na orla da Lagoa Rodrigo de Freitas, Rio de Janeiro (1938). O projeto tem clara influência de Le Corbusier e apresenta as principais inovações arquitetônicas da época, entre elas, o uso de quebra-sóis verticais.

Convidado pelo então prefeito de Belo Horizonte, Juscelino Kubitschek, Niemeyer projetou o conjunto arquitetônico da Pampulha, obra que provocou enorme polêmica pela igreja em linhas arrojadas e modernas. Esta obra marca o momento em que Niemeyer se liberta da influência de Le Corbusier. Isto se torna claro quando ele abre mão dos ângulos retos, optando pelas linhas curvas, presentes, principalmente, na capela. Em 1946, junto com dez outros arquitetos, Niemeyer projetou a sede da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York. Desta época até 1956, quando se tornou responsável pela construção de Brasília, foram inúmeros seus projetos, entre os quais se destaca o conjunto do parque do Ibirapuera, obra comemorativa do quarto centenário da cidade de São Paulo.

Em cima do projeto urbanístico de Lúcio Costa, Oscar Niemeyer, a partir de 1956, tornou-se responsável pelos projetos dos edifícios públicos da nova capital brasileira. Seguindo o estilo iniciado na obra da Pampulha, Oscar Niemeyer rejeitou os conceitos funcionalistas e criou obras de tanta beleza, tais como: o Congresso, a Catedral, da Justiça, o Palácio da Alvorada, o Palácio do itamaraty, o Teatro Nacional e o Memorial JK, que a ONU, em 1987, declarou Brasília como patrimônio cultural da humanidade.

O reconhecimento internacional de seu talento aconteceu em 1964, quando o Musée des Arts Décoratifs, do Louvre, pela primeira vez homenageando a arquitetura, montou uma exposição dedicada a seu trabalho.

O arquiteto, que mudou o pensamento arquitetônico brasileiro e influenciou várias gerações em todo o mundo, mora no Rio de Janeiro, RJ. No dia 23 de novembro de 1998, Oscar Niemeyer recebeu, no Palácio da Cidade, a Medalha Real de Ouro 1998, concedida pelo Royal Institute of British Architects, tornando-se o primeiro arquiteto latino-americano a receber esta honraria, entre outros 149 de todo o mundo.